Publicações

11/06/18

Vinte e cinco casais realizam o sonho em casamento comunitário
No dia 26 de Maio, pela sétima vez casamentos comunitários foram realizados pelo Grupo Voluntário Vida e Cidadania (GVC) em parceria com o oficio de Registro Civil de Fraiburgo. A Cerimônia foi realizada no salão Comunitário do Bairro São Miguel, dessa vez com 25 casais. Essa ação social, junto ao Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJ-SC), tem como finalidade regularizar o estado civil de casais que já viviam no mesmo lar. Para os organizadores do GVC e da Pastoral, o importante é o casamento, por isso a celebração foi totalmente gratuita. Organizada por voluntários, a celebração foi presidida pelo Juiz de paz Idio Fantinel com a assessoria de membros do cartório civil: Rosa Aparecida Pit Gatti.
 
“A celebração comunitária é uma experiência muito rica e bonita. As pessoas de fora só veem a celebração, mas é um evento que começa no início do ano e se prolonga até a data da celebração. A primeira beleza é o contato com os casais que vêm pra pedir informações e solicitar ajuda com a documentação. É nesse momento que escutamos as histórias de vida. É uma experiência muito gostosa”, contou Rosa.
 
O Salão comunitário estava lotado com muitos familiares e amigos e logo após a celebração e a regularização dos casamentos, foi sorteado presentes e na continuidade foi servido a todos uma fatia de um grande e lindo bolo. Depois da festividade cada casal seguiu para sua festa particular em sua casa e continuou a festa junto os seus.

Fonte: FraiNews

Publicações relacionadas

11/06/18

Vinte e cinco casais realizam o sonho em casamento comunitário
No dia 26 de Maio, pela sétima vez casamentos comunitários foram realizados pelo Grupo Voluntário Vida e Cidadania (GVC) em parceria com o oficio de Registro Civil de Fraiburgo. A Cerimônia foi realizada no salão Comunitário do Bairro São Miguel, dessa vez com 25 casais. Essa ação social, junto ao Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJ-SC), tem como finalidade regularizar o estado civil de casais que já viviam no mesmo lar. Para os organizadores do GVC e da Pastoral, o importante é o casamento, por isso a celebração foi totalmente gratuita. Organizada por voluntários, a celebração foi presidida pelo Juiz de paz Idio Fantinel com a assessoria de membros do cartório civil: Rosa Aparecida Pit Gatti.
 
“A celebração comunitária é uma experiência muito rica e bonita. As pessoas de fora só veem a celebração, mas é um evento que começa no início do ano e se prolonga até a data da celebração. A primeira beleza é o contato com os casais que vêm pra pedir informações e solicitar ajuda com a documentação. É nesse momento que escutamos as histórias de vida. É uma experiência muito gostosa”, contou Rosa.
 
O Salão comunitário estava lotado com muitos familiares e amigos e logo após a celebração e a regularização dos casamentos, foi sorteado presentes e na continuidade foi servido a todos uma fatia de um grande e lindo bolo. Depois da festividade cada casal seguiu para sua festa particular em sua casa e continuou a festa junto os seus.

Fonte: FraiNews

Publicações relacionadas

Todos os direitos reservados ao autor 2016.
Todos os direitos reservados ao autor 2016.
Fechar